Projetos Essenciais? Quais são?

Quais são os projetos essenciais que preciso ter para a construção da minha residência?

Uma das dúvidas constantes de quem nos procura para desenvolver os projetos para a construção de uma residência é: Quais os projetos fundamentais que preciso para fazer minha obra?
Para isso, separamos os projetos que normalmente são desenvolvidos para obras residenciais familiares em dois grupos, os fundamentais e os complementares. E não estamos com isso diminuindo a importância de cada um. Entendemos que todos os projetos devem ser desenvolvidos para que seja feita uma obra inteligente, econômica e eficaz. Mas diante da escolha dos clientes, temos alguns projetos que não podemos abrir mão e precisamos deles de qualquer maneira. Vamos a eles.

Projetos Fundamentais

1. Projeto de Prefeitura

É com ele que o setor de obras da Prefeitura local analisa o projeto, liberando-o ou não para a execução da obra. Geralmente um arquiteto que trabalha na Prefeitura recebe o projeto da residência e analisa para verificar se todas as normas e exigências do Código de Obras foram atendidos. Se estiver tudo OK, então o projeto é aprovado e é emitido o Alvará de Obras (documento que libera o proprietário para iniciar a obra). Caso haja alguma irregularidade com o projeto, ele volta ao arquiteto que o elaborou para corrigir, e após isso é submetido a nova análise, até sua aprovação final. Iniciar as obras sem o Alvará de Obras gera multa ao proprietário e o embargo imediato da obra.

 

 

2. Projeto de Arquitetura

O projeto de arquitetura é o projeto que é desenvolvido para servir de base para a execução da obra. Conforme os parâmetros estabelecidos no projeto de Prefeitura, o arquiteto desenvolve o projeto arquitetônico com todos os detalhes importantes e necessários para que a equipe de obras consiga executar a obra sem erros. A dimensão exata dos ambientes, o tamanho das portas e janelas, os detalhes das escadas e dos banheiros, ou seja, tudo é projetado nos mínimos detalhes, inclusive com a relação de quantidades e tipos de materiais a serem utilizados na construção.

 

 

 

3. Projeto de Estruturas

É sempre importante ter um projeto estrutural da residência, que é desenvolvido através de plantas e cálculos por um engenheiro civil. Com ele temos uma melhor qualidade técnica com economia de materiais. Ele é desenvolvido após o projeto de Arquitetura, pois utilizará todas as informações indicadas em planta pelo arquiteto para o seu projeto. Somente no projeto de estruturas que poderemos ter a segurança necessária da edificação, tanto física como financeira, pois nele o engenheiro indicará qual a espessura da viga, dos pilares e das lajes necessárias para a casa, com suas dimensões exatas e seguras. Uma casa que tem sua estrutura superdimensionada, custa mais caro, sem necessidade para isso.

 

 

Projetos Complementares

1. Projeto de Instalações (elétrico e hidrossanitário)

O arquiteto possui habilidade técnica para desenvolver projetos de instalações elétricas de baixa tensão e hidrossanitários (hidráulica e esgoto), para residências. Neste projeto posicionamos todos os equipamentos necessários para os sistemas elétricos e hidrossanitários. Deste o interruptor de luz até a caixa d’água, tudo é indicado, especificado e dimensionado para que as instalações fiquem dentro das normas brasileiras e haja segurança, conforto e economia durante a vida útil da edificação.

 

 

 

 

2. Projeto de Paisagismo

Este tipo de projeto abrange muito mais do que a implantação de jardim e vegetação. Ele é pensado para que haja uma harmonia entre a arquitetura e o ambiente, proporcionando conforto e bem estar aos seus moradores. A especificação do projeto passa pelo tipo de revestimento a ser instalado na calçada e no quintal da casa, além dos tipos de espécie vegetal a ser colocada no jardim. Saúde, bem estar e qualidade de vida são os benefícios obtidos por um projeto de paisagismo bem elaborado.

 

 

 

3. Projeto de Interiores

Desenvolvido por um arquiteto ou design de interiores, ele pensa em tipos de mobiliário, cores, texturas e peças que darão um toque pessoal e exclusivo aos ambientes da casa. Um bom projeto de interiores procura traduzir a personalidade e o estilo de vida dos moradores nos ambientes em que ele vive. O conforto, a praticidade, o belo e os gostos pessoais transformam os espaços, de modo que o interior da sua casa fique do seu jeito.

 

 

 

 

Se pretende construir busque uma assessoria profissional? Entre em contato conosco que teremos o maior prazer em lhe atender. Agende uma reunião e inicie a transformação do seu sonho em realidade. Ouse sonhar, que nós ousamos em realizar!

Aproveite para curtir nossa página no Facebook, e cadastre-se no link para receber uma assessoria vip.

Cadastre-se: http://bit.ly/cadastro_dca
Também estamos no Instagram! Busque por @dca_arquitetura

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Assunto

Sua mensagem

Veja também

8 motivos para contratar um Arquiteto

Preparamos um infográfico para lhe mostrar quais são os 8 motivos para contratar um arquiteto. Muitas …